Aforismos de Gurdjieff

quinta-feira, 13 de outubro de 2011



* Ame o que você "não ama".

* Para o homem a mais alta realização é ser capaz de fazer.

* Quanto piores as condições de vida, melhores serão os resultados do trabalho - contanto que nos lembremos continuamente do trabalho.

* Lembre-se de você mesmo, sempre e em toda parte.

* Lembre-se de que você veio aqui, porque compreendeu a necessidade de lutar contra si mesmo. Agradeça, portanto, a quem lhe proporcione a ocasião para isso.

* Aqui podemos dar uma direção e criar condições - mas não ajudar.

* Saiba que esta casa só pode ser útil aos que reconheceram sua nulidade e crêem na possibilidade de mudar.

* Se você sabe que isto é mal e, apesar de tudo, o faz, comete um pecado difícil de redimir.

* O melhor meio de ser feliz nessa vida é poder considerar sempre exteriormente - nunca interiormente.

* Não ame a arte com seus sentimentos.

* O verdadeiro sinal de que um homem é bom, é ele amar seu pai e sua mãe.

* Julgue os outros conforme o que você é e raramente se enganará.

* Só ajude aquele que não é um ocioso.

* Respeite todas as religiões.

* Amo aquele que ama o trabalho.

* Podemos somente nos esforçar para nos tornarmos capazes de ser Cristãos.

* Não julgue um homem pelo que contam dele.

* Leve em conta o que as pessoas pensam de você - e não o que dizem.

* Junte a compreensão do Oriente e o saber do Ocidente - e, em seguida, busque.

* Só aquele que puder zelar pelo bem dos outros merecerá seu próprio bem.

* Só o sofrimento consciente tem sentido.

* Vale mais ser temporariamente um egoísta do que nunca ser justo.

* Se quiser aprender a amar, comece pelos animais; eles são mais sensíveis.

* Ensinando aos outros, você mesmo aprenderá.

* Lembre-se de que aqui o trabalho não é um fim em si mesmo. É apenas um meio.

* Só pode ser justo quem sabe se pôr no lugar dos outros.

* Se você não for dotado de espírito crítico, sua presença aqui é inútil.

* Aquele que tiver se libertado da "doença do amanhã" terá uma chance de obter o que veio procurar aqui.

* Feliz aquele que tem uma alma. Feliz aquele que não a tem. Infelicidade e sofrimento para aquele que só tem a semente dela.

* O repouso não depende da quantidade, mas da qualidade do sono.

* Durma pouco, sem se queixar.

* A energia gasta para um trabalho interior ativo se transforma imediatamente em nova reserva. A que é gasta para um trabalho passivo se perde para sempre.

* Um dos melhores meios de despertar o desejo de trabalhar sobre si mesmo é tomar consciência de que a gente pode morrer de uma hora para outra. E isso, é preciso aprender a não esquecê-lo.

* O amor consciente desperta o mesmo em resposta.
O amor emocional provoca o contrário.
O amor físico depende do tipo e da polaridade.

* fé consciente é liberdade
A fé emocional é escravidão.
A fé mecânica é estupidez.

* A esperança inquebrantável é força.
A esperança mesclada de dúvida é covardia.
A esperança mesclada de temor é fraqueza.

* Ao homem é dado um número limitado de experiências
- se ele não as desperdiçar, prolongará sua vida.

* Aqui não há russos, nem ingleses; nem judeus, nem cristãos.

Há somente homens que perseguem a mesma meta: se tornarem capazes de ser.

obs: o vídeo acima é a última parte do filme sobre a juventude de Gurdjieff, Encontro com Homens Notáveis, que se destaca pela apresentação das danças sagradas dentro de um monastério - supostamente - da misteriosa Ordem Sarmung.

Um comentário:

walner disse...

Fernando Augusto,

Um abraço e sempre grato. Preserve o bom serviço. Não tenho me comunicado, mas ando sempre a espreita.

Walner.